Delivery de sorvetes artesanais é novidade em Itajaí

Já pensou em um delivery de sorvete? E ainda de produção artesanal, com sabores inusitados? Pois essa é uma realidade em Itajaí e Balneário Camboriú, ideia pioneira na região comandada pela Spasso Gelato Artesanal. Com uma carta fixa e novos sabores lançados semanalmente, a novidade promete encantar os apaixonados por sorvetes até mesmo no Inverno. Dentre os sabores diferentões, criativos e, claro, deliciosos já inventados, estão o sorvete de arroz doce, o de azeite de oliva e até um de mostarda Dijon.

O Spasso Gelato Artesanal surgiu da ideia do Gilberto Regules, empresário que saiu do mercado financeiro para se entregar à sua paixão que é o sorvete. “Quando morava no Uruguai, tomava umas três vezes por semana”, relembra. Os sorvetes são produzidos em um laboratório localizado em Cabeçudas. “O gelato requer de um cuidado especial na escolha das matérias-primas, no balanceamento da receita, no processo produtivo e no manuseio dele após produzido. Para ter um produto excelente, todos estes elementos devem ser respeitados e trabalhados com conhecimento, paciência e amor. Se fôssemos terceirizar algo, o produto final não seria o mesmo”, explica Gilberto.

No menu fixo são contemplados cinco sabores: Pistache, Chocolate ao Leite, Doce de Leite, Café Carla e Fior di Latte. Além desses, semanalmente são criados mais um ou dois sabores que são publicados no Instagram e Facebook da marca. “Criamos coisas diferentes cada vez que temos uma oportunidade de inventar! Aproveitamos festividades do mês ou semana (Páscoa, Dia dos Namorados, Festas Juninas, etc). Tentamos sempre criar algo que nos desafie, mas que possa ter saída. Por exemplo, amamos (amamos!) o gelato de Azeite de Oliva que fazemos, porém ele é um sabor que as pessoas têm receio de pedir… Ele fica incrível com caldas ou acompanhado de um petit gateau! Outro sabor interessante, é o de Mostarda Dijon que fazemos para o restaurante Number 7, que é servido com um tartare de carne. É excepcional!”, revela.

Sobre o delivery, Gilberto comenta que surgiu mais como uma necessidade do que por escolha, pois montar uma boa estrutura para gelateria exige um investimento alto. Esse tipo de serviço é comum em outros países, mas aqui no Brasil ainda não é muito usado para sobremesas. “É um trabalho de formiga mudar o “mind-set”, por isso praticamos preços bem atrativos e não cobramos taxa de entrega por enquanto. Em cidades grandes, o custo do quilo de gelato chega a R$ 100 e a taxa de entrega mais R$ 15 ou R$ 20. Em Itajaí e Balneário Camboriú é possível pedir 1 quilo de gelato por R$ 50, só ligar para a Spasso!”, recomenda. O sorvete é embalado em pote de isopor específico para gelaterias. Uma vez que o pote é montado, é conservado a -24°c, temperatura que permite que o gelato conserve sua cremosidade para quando chegar à casa do cliente.

Os sabores variam a cada semana e ficam expostos na vitrine da gelateria às sextas-feiras no Armazém Galo, na Rua Laguna, 242, Bairro Fazenda, Itajaí. Para quem quer pedir em casa um sorvete que não está no cardápio naquela semana, pode solicitar com o pedido mínimo de 3 quilos.

Nós AMAMOS esta super novidade. E se você quer uma dica de sabor, o Gilberto já avisa (e nós já desconfiávamos) do sabor mais vendido na Spasso: o de doce de leite, que é uma herança dos 30 anos de vida no Uruguai e que também é de onde vem a matéria-prima para este gelato da Spasso.

(Visited 94 times, 94 visits today)

Deixe uma resposta