Arquivo da tag: batata recheada

Os verdadeiros pratos típicos de Blumenau

lumenau comemora hoje 166 anos de fundação. Descoberta por imigrantes alemães em 2 de setembro de 1850, você, que é de fora, pode imaginar que nossas refeições por aqui não tem nada de muito original, que nossa culinária é uma cópia de receitas germânicas, já que ficamos tão famosos por causa da Oktoberfest. Mas, a verdade, é que os blumenauenses têm um gosto bem variado e, ao longo do tempo, transformaram receitas ou ingredientes tradicionais em pratos de dar água na boca e que só quem mora nessa terra, consegue entender tanto amor. Quer ver? Hoje o Senhor Sabor listou cinco opções que você deve conhecer quando vier passear em Blumenau.

03 Floresta Lanches

Pão com bolinho do Floresta Lanches.

Pão com bolinho
Não, não estamos falando de hambúrguer, nem de almôndegas. Estamos falando de um bolinho de carne bovina que quase não tem carne, do tanto que colocam farinha de rosca e temperos, mas é vendido em toda padaria ou boteco da cidade. Nenhum outro prato tem tanto a cara de Blumenau como esse. Servido com pão francês e maionese verde, então, só nas ruas da nossa loira cidade.

Cuca
Ah, essa é alemã, você deve estar falando. Não, nenhuma outra cuca, em qualquer lugar do planeta, é como a de Blumenau. É uma versão da Streuselkuchen, que leva na cobertura apenas açúcar. Aqui, não. Aqui, ela é muito mais elaborada. Se você quiser algo mais tradicional pode ficar somente com a cuca de farofa, mas vai se arrepender de não experimentar sabores como Banana com Nata ou Queijo.

Batata recheada de Linguiça Blumenau do Alemão Batata.

Batata recheada de Linguiça Blumenau do Alemão Batata.

Batata recheada
Essa não precisa de muitas apresentações. Todo mundo que vem para a Oktoberfest acaba provando essa delícia. De qualquer forma, vale incluí-la na lista para dar uma importante dica: ela é muito melhor se for degustada em outra época do ano, quando bares típicos apresentam recheios mais elaborados, como Carne Seca.

Schmia
Muitas pessoas associam o nome aquela mistura de ovos e açúcar, mas a palavra já ganhou vida própria e hoje é usada para qualquer ingrediente utilizado para “schmiar” o pão. Então, você pode chamá-la de geleia ou mousse e a dica é a Feira Livre, onde é possível encontrar umas com o morango praticamente inteiro dentro do pote.

Pizza de Linguiça Blumenau da Baggio Pizzeria & Focacceria.

Pizza de Linguiça Blumenau da Baggio Pizzeria & Focacceria.

Linguiça Blumenau
Pura no pão, frita com ovo, no risoto, na pizza… a Linguiça Blumenau é considerada patrimônio cultural imaterial na cidade que deu origem ao seu nome. Sim, não é brincadeira! Ano passado, uma lei foi aprovada na Câmara de Vereadores. Dizem os empresários do ramo que não é possível produzi-la em outro lugar, já que o clima da região é fundamental para o seu processo. Se passar por aqui, experimente pelo menos um prato feito com ela. Tem para todos os gostos e, depois de prová-la, você vai querer incluí-la em qualquer receita.

 

 

Jogos típicos da Alemanha serão disputados durante a 1ª Bierville

Fingerhakeln

As tradições germânicas vão deixar Joinville ainda mais animada com a 1ª Bierville, que marca o retorno da cidade ao circuito das festas típicas. De 29 de outubro a 1º de novembro, a maior cidade do estado mostra o que há de melhor nas tradições germânicas. Engana-se quem pensa que os colonizadores deixaram por aqui apenas o gosto pela culinária e pelo chope. A grande novidade, não vista em outras festas do gênero, serão os jogos típicos da Alemanha. O grupo folclórico Windmühle, o mais antigo de Joinville, irá realizar uma espécie de olimpíada folclórica, com brincadeiras originárias dos bares alemães. Confira:

– TischKegeln (Bolão de mesa): uma versão menor do Bolão, conhecido em Santa Catarina. O diferencial é que os pinos são derrubados com um pião.

– TischKegeln mit Stock (Bolão de mesa com taco): no jogo que mistura bolão com sinuca, os pinos devem ser derrubados com uma bola, impulsionada por um taco.

– Pendalkegeln (Bolão de pêndulo): mais uma variação do bolão, onde os pinos são derrubados com uma bola presa em uma haste, formando um pêndulo.

– Leitergolf (Golf de escada): a “bola” também conhecida como boleadeira era utilizada na antiguidade como um instrumento de caça. No Leitergolf, o competidor deve acertar traves de madeira utilizando a boleadeira.

– Vogelpicken (Pássaro Marcador): mulheres e crianças não podiam participar das principais atividades dos clubes de caça e tiro ou bolão e eram entretidas com jogos mais simples, como o Vogelpicken. O objetivo é acertar o alvo com um pássaro de madeira.

– Fingerhackeln (Guerra de dedos): o jogo, criado por volta de 1900 na Alemanha, já foi disputado em algumas competições no Brasil. O Fingerhackel é uma espécie de cabo de guerra disputado por apenas dois homens. O diferencial da prova é que apenas o dedo médio e um anel de couro são utilizados. Ganha quem conseguir trazer a mão do adversário até o outro lado da mesa.

Gastronomia e chope
Para dar energia aos festeiros, sabores típicos como codorna recheada, eisbein, kassler e, até mesmo, a famosa batata recheada estarão presentes no cardápio da Bierville. Os pratos tradicionais dividem espaço com receitas diferenciadas como o Risoto de Linguiça Blumenau e o Hambúrguer de Pato e de Marreco. Os valores variam de R$ 8 a R$ 42. Os estilos de chopes oferecidos pela Brahma, cervejaria oficial da festa, também agradam diferentes paladares. O Pilsen e as long necks nos estilos Lager, Red Lager e Weiss custarão R$ 7. O Brahma Black e os especiais da Boehmia: Bela Rosa, Caá-Yari e Jabutipa serão R$ 8.

Tischkegeln

Serviço:
O quê: 1ª Bierville – Festa da Cerveja de Joinville
Quando: de 29 de outubro a 1º de novembro.
Horários: dia 29/10 das 19h à 1h; dia 30/10 das 19h às 2h; dias 31/10 e 1º/11 das 17h às 2h.
Onde: Complexo Expoville – Rua XV de Novembro, 4315, Glória, Joinville (SC)
Ingressos: dia 29/10, R$ 15 inteira e R$ 7,50 meia-entrada. Nos outros dias, R$ 20 inteira e R$ 10 meia-entrada.
Estacionamento: R$ 15 para carros e motos; R$ 30 para vans; e R$ 45 para ônibus.

Quarta com batatas

Para quem adora a raiz mais consumida de todas, nesta quarta-feira, 09, o bar Zépelin, em Itajaí, traz a promoção ‘Loucos por Batatas’. Os clientes que optarem pela promoção, receberão um combo para duas pessoas com direito a uma batata suíça e uma porção de mini ninhos com seis unidades (os mini ninhos são deliciosos petiscos de batata com recheios variados). A promoção é válida para batatas sabor presunto e italiana e mini ninhos tradicional, cheddar e estrogonofe. Além dos comes e bebes, a noite contará com a música de Rogério Borba. O Zépelin fica na Avenida Ministro Victor Konder, 1150.

barzepelin

A reinvenção da batata recheada

A “batata recheada” é um lanche comum em várias cidades brasileiras. Mas no município mais alemão do Brasil ela foi reinventada. A idéia partiu do gerente do Restaurante Schornstein Kneipe, Getulio Santos, e da proprietária Muriel Mazzi. “Comemos uma batata recheada ruim e decidimos criar uma nova receita”, contou Getulio.
O resultado foi o “Pão de Chope Recheado”, um pão de chope com recheio especial de brócolis, lingüiça Blumenau Olho e molho preparado com queijo fundido – Kraeuterkaese. “A receita fica perfeita com o pão de chope. Mas ele pode ser substituído por outro tipo de pão ou uma batata”, explica o gerente do Schornstein Kneipe. Anote os ingredientes e aproveite a receita.

Receita do recheio do pão de chope:
Tempo de preparo: 45 minutos

Ingredientes:
100 gramas de lingüiça Blumenau
½ cebola média cortada em pedacinhos
1 colher de chá de manteiga
100 gramas de brócolis cortados e cozidos
2 colheres de sopa de nata
3 colheres de sopa de queijo kraeuterkaese (fundido)
Pitada de ervas finas (a gosto)

Modo de preparo:
Deixar a lingüiça por 10 minutos na geladeira para facilitar a retirada de sua pele. Cortar em rodelas finas.
Em uma frigideira colocar a colher de manteiga para derreter e em seguida a lingüiça e uma pitada de ervas finas.
Deixar fritar e colocar a cebola.
Quando dourar colocar a nata e os brócolis. Mexer até o molho ficar homogêneo.
Acrescentar o queijo kraeuterkaese (fundido).
Mexer até dar ponto no molho.
Colocar o recheio dentro do pão de chope (ou outro pão ou batata).

Rendimento: 1 porção

Schornstein Kneipe
www.schornstein.com.br
Rua Hermann Weege, 60, Centro, Pomerode (SC).
Telefone do restaurante: (47) 3333-2759